quarta-feira, 15 de agosto de 2007

A Lua ...



As vezes a Lua tem o formato de vírgula para nos lembrar
que nem no infinito a Amizade e o carinho têm um ponto final!
Que a nossa amizade seja sempre uma vírgula...
Sem ponto final...
A você o meu eterno carinho
(não conheço o autor)


33 comentários:

E.Adriano disse...

parabens pelo seu blogue.


otaciturno.blogspot.com

Laura disse...

Adryanna este adriano de otaciturno tem um blog lindo e belas poesias, de autores diversos..vai lá espreitar!...
Há adrianos e adrianos...

Pascoalita disse...

pem pensado :)**

Laura disse...

O que é bem pensado pascoalita? bebeste ao almoço? ehhhhhhhhhh, estamos todos cheios de férias e de andar a ler às moscas eh...
Mas, bem pensado!...

Laura disse...

Uma lua a balançar
Uma mulher a descansar
Um cenário que raramente se vê
E nos fica a dar que pensar...

Menina adryzinha, o balancé já acabou? então desça dali e venha hablar com nosotros qué estamos muriendo com saudade de usted...

Teté disse...

Pois já no outro dia tinha passado por aqui e lembrei-me de vasculhar sobre a autoria deste poema e não consegui achar nada.

Pelo que percebi, no Brasil até à cartões à venda já com o poema impresso (o que aqui puseste é só um excerto). Será que foi um desses autores anónimos?

Mas que é lindo, lá isso é!

Bom Domingo!

Laura disse...

Então nina? Num habla connosotros usted?
Queres poesia e romance..eu ja te dou a poesia..tens 3 homens em casa que te dão romance a mais, deve ser isso...

Adrianna disse...

Olá, e.qdriano :)

Tomei nota e tenciono visitar o espaço em breve.

Laurinha,

Sempre pronta a içar a gente, não é? A minha vida não tem mto de baloiço, sabes? eheheheh
Já há mto me tinha cruzado com este poema, mas só há dias o encontrei "decorado" com esta linda LUA.

Adrianna disse...

teté,

Achei engraçado dares-te ao trabalho de pesquisar o autor.
Eu já conhecia isto há mto, mas nunca soube quem era o autor. Espero não ser acusada de plágio eheheh

Boa semanita ... agora que as férias se foram ainda temos de nos resignar a esperar pelo próximo feriado que nem imagino qdo será.

Laura disse...

Adryzinha, agora nem dá para responder a preceito.
Por vezes e vezes, tomara eu que me içassem para algum lugar mais lindo com mais amor e mais de tudo, mas quando temos a vida calma queremos mais frenesim, mais treme treme como diz o leão verde no blog dele no novo post..dessa sabia eu do tal do treme treme, mas nãos abia que o marius e o mano leão verde se meteram numa alhada descomunal, lá para os anos 71 é o que faz ter 20 anos e muita curiosidade na cabeça...
Agora riem-se, mas acredito que sairam d elá de calaçs molhadas de tanto susto só de uma vez ...ehhhhhhhhhhhh...

Laura disse...

ADRY, DEIXA-TE DE LUAS OU MEIAS LUAS E VAI A CORRER A CASA DA CUSCA QUE MAIS UMA VEZ, SÓ FEZ ASNEIRA D AGROSSA, REMEDEIA LANÇANDO UM SOS NOS BLOGUES AMIGOS...

Adrianna disse...

Puxa, Laurinha! Até me assustaste.
Já vouuuuuuuuuuuuu

Pascoalita disse...

Tenho uma ex-colega que há mto tem essa expressão no seu perfil do MSN eheheh

Laura disse...

Olá Adry...Como vamos como vamos? os dias nem sempre são lindos e as noites transformam-se em pesadelos, por vezes.

Sinto-te murcha, precisas apenas de uma regadela daquelas de mangueira, com jacto forte, para te por fresca como uma alface...

Arriba cachopa, os dias são mais frescos e a vida continua sempre. é andar em frente que atrás vem gente... A vida nunca é igual e temos uns meses no ano em que coisas que nos magoaram em certas alturas, voltam a magoar quando se lembra tudo outra vez!
Deita tudo isso no lixo e andor... temos coisas lindas para ler e escrever...Xi pa ti de mim...

L.S. Alves disse...

Obrigado.

Laura disse...

Olha que a adry já caiu da lua abaixo! não deste conta? vai lá ver...

Adrianna disse...

É isso, gente lindaaaaa
ando murchita! Preciso duma ... abanadela eheheheh

Laura disse...

Isso já eu vi, mas fiz de conta... e já que falas, toma, laurinha empurrou aquela gaja da lua abaixo, e colocou lá a Adry... menina adry sentadinha na lua umas horinhas vai ficar de alto astral a ver o que s epassa por aqui, e com uma vontade enorme de descer vai ficar ao constar que tem muita gente muito pior e com mais necessidades prementes..e ela ainda agora se sentou lá na lua, e já anda a ver se encontra a diabita para lhe dar a mão e a puxar dali para fora... sente-se mal com o mal estar dela, devido a ..nada...
Desça dali nina e olhe que figura está a fazer...e quanto mais balança mais risco tem de cair à terra..abane aquilo, abane sim...

Cusquinha endiabrada disse...

Pois eu sei o que se passa ... a minha avó sempre me avisou:

- "Netinha, não se deve olhar demasiado tempo a lua, que ficamos enfeitiçadas"!

Ora aí está o resultado ... a Adry está a modos que hipnotizada. E eu não faço ideia como a poderemos livrar desse feitiço.

Laura disse...

Ora cusca, não sabes memso como a tirar dali? botas uma corda cá de baixo e se a corda acertar, pimba, puxas e lá vem ela atrelada...

Ou então amandas uma fisgada das boas com uma pedra a valer e catrapumba ela cai que nem tordo ou torda...

tadinha d apariga andamos nós a chateá-la..tadinha dela, ó nina o sorriso já regressou?

Laura disse...

Bem se vê que já está mouca de todo de andar lá em cima de cá para lá... Mais um tico e cai dali abaixo e muda-se o post...

MissEsfinge disse...

Desculpem, mas não seria melhor pedirem ao único habitante da lua, o tal do farda palha, que no-la empurrem pra baixo? É que sempre ouvi dizer que pra baixo todos os santos ajudam :)

Adrianna disse...

Pois ...

Já sabem que sou de luas ...

Ando ...
sem ideias,
sem tempo,
sem vontade,
sem força anímica
:)

Adrianna disse...

Laurinha,

Falta a inspiração.

Nem tudo aqui posso escrever e ando com pouca vontade de me dedicar a "metáforas"

Mas não há problemas de maior

Cusquinha endiabrada,
marotaaaaa

MissEsfinge,

Não seria má ideia, mas se é o único homem na lua, deia-o fazer-me companhia, canudo!!!

Laura disse...

Atão toma pa ti e canta e dança e baila por ai e pode ser que com o tremelique a nina d alua caia...


Amai, raparigas...



Amai, raparigas, amai
Mas com um amor profundo
Porque o amor é,
A coisa mais bela do mundo.

Amai, raparigas, amai
Que o amor é forte, fecundo
Pois faltando esse sagrado bem,
A vida é o vazio mais profundo.

Amai, raparigas, amai
Que esta vida são dois dias,
Se não conhecerdes o amor
Não conhecereis da vida, as alegrias.

Amai raparigas, amai
Cantai os prazeres do amor,
Cantai o amor que há em vós
Ao senti-lo todos os dias.

Amai mulheres, amai
A vida é uma fantasia,
E enquanto sonhamos
Entregamo-nos à nostalgia …

Beijinho a ti e só precisas de miminho de encostar a cabeça no seio de alguém e chorar um cadinho (sempre mijas menos no fim)
..é a brincar mana..

Adrianna disse...

Birgada, laurinha

Tu és um AMOR :)

jinho a ti

P.S. hoje já não vou mais ao wc eheheheh

Laura disse...

Mau, acabaram de me chamar saca de batatas e tu chamas-me de amor, já nem sei o que sou...mas tanto me ri que também já mijo menos...

Jotabê disse...

'Ó lua que vais tão alta
redonda com'um tamanco
ó maria traz-me a escada
que eu não chego lá com o banco'

...para não ficar atrás na inspiração...

eheh

:)

jocas

Laura disse...

Vim ver se a lua já mudou, mas vou primeiro ver no calendário...

Laura disse...

Ó adrianna, laurinha a gritar lá pa cima, ó pariga sai daí que ainda te constipas e ós pois num podemos ire à festa lá na cidade. Bistes? atão se num desces ficas aí de castigo, o jota tanto esperou que te tirou a escada de castigo, enm que queiras num sais daí até botares post nobo, ora essa, e já é fim de semana...

Tás preocupada co rais partam da casa por limpar? faz como a mim, caguei nisso há imenso tempo e agora só volta a ficar um brinco quando as galinhas tiverem dentes...Hão-se esperar e botar mãos à obra se a quiserem ver como antes, qual museu d epó limpo todos os dias, aspirar andar num brinquinho, mas onde tinha eu a minha autoestima? de certeza que ficou lá no saco do aspirador..faz como a mim, dá mais tempo a uma nina adryzinha queriducha, e levanta-te sabendo que vais tomar café com uma amiga que esteja disponivel (as disssssvorciadas estão sempre a não ser que já tenham romance novo então tás tramada..)e olha mete-te no tombóio (isto é a sério) vens pa cá a minha casa dista a metros da estação, espero por ti e teremos um rico fim de semana, temos mordomo e tudo... Aceitas?

O Profeta disse...

As manhãs vêm nas asas de um pássaro azul
No canto de uma doce e suave brisa
Desperto sol que no celeste viajou
No vago que resta de uma noite de magia


Bom fim de semana


Profético beijo

Laura disse...

Mim num acreditas que a adrianna com dois nn não mudou a casa este fim de semana como se faz aos lençóis!...
Pá lavandaria com a lua e companhia...já...

Adrianna disse...

Obrigada a todos que por aqui têm passado. A ausência tem várias causas, algumas que nem eu sei definir ou classificar.

Mas, como a seguir a um dia de chuva, vem sempre um dia soalheiro e como hoje choveu a potes na minha zona ...