quinta-feira, 12 de julho de 2007

Cliquem na imagem e ...


sintam-se abraçados :)


(Recebi de alguém especial e partilho convosco)

20 comentários:

Laura disse...

Cheguei...
Sou a nina dos abraços, a nina que adora que a abracem, enlacem e amem..por tudo e por nada, ou por qualquer coisa apenas, ou por coisa nenhuma, eu adoro que me abracem, com motivo e sem motivo, tão simples como isso..Por isso agora e neste momento, divido meu abraço contigo...

Laura disse...

E mais ninguém quis um abraço? Já sei, tá calor e cheiram todos a suor, só pode, mas eu vim de axilas lavadinhas cheias de Fá verde, que bem que cheira ehhhhh. e assim..toma lá mais um abraço e como meu coment é sensaborão, vou mudar por uma coisa melhor...

Pascoalita disse...

Pois eu bem senti hoje hoje algo à volta do pescoço o dia todo ehheheh
Só agora percebi do que se tratava ... eram os braços da Nina Adry :)

Laura disse...

Ehhh tanto abracei a nina adry que nem a larguei ainda e estou no meu blog, o abraço saiu de lá, eia que compridoooooooooooooo...

Palavras verdes
Cheias de significado
Palavras dirigidas a quem nem sei
Mas que me soam melodiosas...

Laura disse...

Bom dia, e

acabei de largar o meu abraço
Já me doiam os braços
De esticar para este lado
Mas como nunca mais chegavas
Fui da r a volta por outro lado..

Jotabê disse...

venha de lá então esse abraço...

:)

Adrianna disse...

Laura,

Mto rapidinho, pq aqui as Sextas Feiras são de mta arrepiar, só para retribuir e reforçar o meu abraço, aproveito já para desejar um bom fds.
P.S. Vou tirar um tempinho para passar no teu cantinho, ver o que há de novo :)

Olá, pascoalita :) tenho passado de fugida pelo teu jardim que, mas não tem dado para poder comentar.

Adrianna disse...

Olá, seu Jotabê :
Xiiii fico toda besuntada de cimento, tinta e suor à mistura, mas sabe que nem ginjas :)
Inda continua dedicado às remodelações?

Jotabê disse...

pois é cara amiga, agora em várias frentes, pintura, duche exterior, jardim, electricidade e canalização, ou morro ou fico maluco, bem se calhar morro, maluco já eu sou

hoje por acaso até meti o dia para assuntos logísticos e burocraticos de forma que o abraço foi limpinho

:)

marius70 disse...

Não abraces muito pois estive muito tempo ao sol e fiquei com um torcicolo por causa das gaivotas.

:))))))))))))

Um abraço para ti também e

Bom Fim de Semana

Adrianna disse...

Jotinha,

O mal foi tu esmerares-te a 1ª vez e deixares que percebessem que entendias do assunto. Agora, meu lindinho, nunca mais poderás dizer "não sei!" eheheh
E o raio da casa que tem sempre algo a necessitar de "mão de profissional"

Hummm hoje tive direito a um abraço bem cheiroso :)
Bjinhos

Adrianna disse...

Ora viva, Senhor Imperador! É uma honra abrir-lhe o postigo, quer dizer, franqueio-lhe a porta toda (o postigo foi só para confirmar a natureza do visitante.

Para torcicolo não conheço receita com efeito imediato, mas sugeria que na próxima ida à praia tentasse procurar barcos ao largo ... não sei porquê, mas tenho cá um palpite que só as "gaivotas em terra" é que causam esse tipo de problema, não enqto voam. Creio que as piores até são as mais jovens, aquelas que nem sabem voar, vulgo "peladinhas"

Não quero alarmá-lo, mas além de provocarem torcicolos, conheço quem tenha ficado vesgo eheheh

Tenha mais cuidado. As gaivotas é uma raça de aves tramada!
Bom fim de semana e já agora, vá pela sombra :)

Ahlka disse...

Vinha comentar um abraço e esbarro com uma nova definição de gaivotas...Estamos sempre à aprender! ;)

Mas dizia eu, vinha atrás do abraço, para mim nada substitui o calor dum bom abracinho... :)

Rafeiro Perfumado disse...

Soube bem.... por acaso estava a precisar de um abracinho!

Laura disse...

Pois soube, aliás todos os abraços sabem a mel...se forem dados com o sentido do amor puro fraterno, então nem sei explicar a que sabem...

marius era isso mesmo, as gaivotas que tu deves observar devem ser das que a nina adry descreve, essas e apenas essas causam torcicolos.

bebe um cházinho de sabugueiro e alecrim e vais ver que ficas bom do torcicolo. É a verdade não é gozo, ora vai ao alfarrabista e lê sobre o sabugueiro e o alecrim, querendo botas mais umas folhas de salva..e tás salvo de torcicolos...

Muito vais tu ao mar que até me causas inveja da grossa...

Naeno disse...

Lindo presente o qeu te deram, espero que o mesmo digas do que acabei de te mandar via e mail. Duas músicas minhas, um tanto diferente das músicas portuguesas, mas é que nossa alma viaja em outro tipo de fado, um modelo mais audacioso, embora transporte noosos corações, não deixa de ser uma máquina mais acelerada, mais alegre que o fado que amo de montão.
Um beijo
Vê se aparece

Naeno

Adrianna disse...

Ahlka,

Eu tb não sabia destes malefícios das "gaivotas". Estava mais por dentro dos causados pelos "corvos", sabes? mas averiguei e de facto ...
ambos podem fazer estragos eheheheh

Tens razão: um abraço bem apertadinho, no momento certo, pode fazer milagres :)

Rafeirito, melhor agora? precisa mais ??? Calma! Reserva-te para o dia 21, tá???

Laurinha,
Nºao sei se concorde contigo. Nunca ouviste falar no "abraço de Judas"?
Um abraço daqueles com sabe«or a mel, para ti eheheh

Naeno,

Sim, os amigos presenteiam-me mtas vezes estes miminhos a que dou mto valor.

Sorry, inda não fui ao mail, mas já tenho passado pelo teu espaço e vejo que está recheado de musica.
O problema é que eu corro contra o relógio e até agora, ele tem ganho sempre eheheh
Obrigada pela visita que tenciono retribuir em breve.

Laura disse...

Nina adry vou escrever-te via email, e como dizes que raramente o abres, assim já sabes que tens lá correio da nina de Braga. jinhos..

cõllybry disse...

Ummmmmmmmmmmm, que delicia de abraço...

Bjca doce

Adrianna disse...

Brigada, cõllybry :)

Tb senti o calor do teu
:)