domingo, 22 de julho de 2007

Huffa! Vida de mulher é só bulir e cara alegre


Ando sempre num tal corropio, entre afazeres, que quase não me sobra um tempinho para mais nada!!! Tenho sido desafiada para me inscrever no ginásio da minha chafarica e começar a fazer IOGA".

O problema é que os únicos minutos em que páro durante o dia é para tomar as refeições e não vejo como poderei fazer este tipo de exercício e comer ao mesmo tempo eheheheh



7 comentários:

Laura disse...

É isso que está errado, e é isso que me enraivece, a laura enraivece-se com estas cenas maradas. Eles tinham de ajudar em tudo porque elas trabalham fora de casa, não venham cá com a perfeição, deixa ficar mais ou menos e nem fica mal, eles não ajudam, só reclamam, o meu ajuda, pouco mas ajuda, nem sempre é é quando quero...fazem-se de cansados por trabalharem fora de casa e as mulheres nem fazem a mesma? eles por vezes é que levam o carro e as mulheres vão de autocarro porque não dá para esperarem, dão boleia às colegas ..e por ai fora, na me queixo do meu porque tenho carro e trabalho em casa... mas muitas acho que são totos em trabalharem tanto e não meterem uma empregada em casa para fazer a maioria das tarefas que as cansam e aos fins de semana são totos na mesma porque em vez de descansarem fazem de tudo para ficar mais perfeitinho..uma ova é que é...

Pascoalita disse...

Mas não pareces mto aborrecida com todos esses afazeres.

Trabalhas, danças, cantas, comes e descansas tudo ao mesmo tempo, não?

Diabinha cusca disse...

Caramba! Pareces a minha mana mais velha que é loira como tu e anda sempre a cantarolar e mirar-se ao espelho eheheh

Adrianna disse...

Laurinha,
Por mais voltas que lhe dêem, nós sairemos sempre a perder.
Em parte a culpa é nossa que começamos por chamar a nós a responsabilidade de tudo e qdo perdemos o controlo, queixamo-nos.
Mas as coisas estão a mudar e muito! Cada vez mais, as mulheres gostam e cuidam de si em primeiro lugar.

Adrianna disse...

pascoalita,

Sou alegre por natureza e muito mal vão as coisas qdo deixo de sorrir eheheheh
Geralmente, perto de mim ninguém está triste.

Adrianna disse...

Pareço, diabita??? eheheheheheh
Às tantas inda somos parentes!!! ahahahahahahah aeheheheheheheh

Ahlka disse...

E vou ter de voltar a afirmar que a culpa é das mulheres... Ai, ai que não aprendem! ;))